A importância do brincar

A importância do brincar

Característica da infância, a brincadeira ajuda no desenvolvimento das crianças

Desde os tempos mais remotos da História, a brincadeira faz parte do universo infantil. Estudos mostram que antigas civilizações já falavam da importância do brincar para o desenvolvimento infantil.

Estudiosos afirmam que o brincar é uma ação que acompanha a criança desde muito cedo. É possível ver bebês interessados nas atividades que outras crianças estão fazendo. Mas à medida que vai ganhando experiência e coordenando seus gestos é que a criança passa a exibir maior coordenação dos papéis que assume nas situações em que realiza ações conjuntas.

Nas brincadeiras infantis, a criança vai gradativamente aprender a supor o que os outros pensam, buscando coordenar ativamente seu comportamento com o de seus parceiros. A brincadeira simbólica leva à construção, pela criança, de um mundo ilusório, de situações imaginárias onde ela pode “ser” muitas pessoas: mãe, pai, professora, médico, babá, motorista. E onde objetos são usados como substitutos de outros. Tudo isso dentro de um contexto criado pela criança que emprega gestos e falas adequadas a cada situação.

Ao assumir vários papéis com os quais interage no cotidiano, a criança pode afastar-se de significados já estabelecidos e criar novas significações. Além disso, tem a possibilidade de reviver situações que lhe causaram alegria, ansiedade, medo ou raiva e expressar essas emoções. Essa é a forma mais comum da criança pequena trabalhar seus conflitos e sentimentos.

No brincar inserem-se importantes funções capazes de auxiliar a criança no desenvolvimento, na aprendizagem e na interação com o meio, sendo considerada uma característica do comportamento infantil, visto que a criança dedica a maior parte de seu tempo ao brincar. À medida que brinca, a criança vai se apropriando de suas potencialidades, construindo interiormente o seu mundo. Aprende a agir, sua curiosidade é estimulada, adquire iniciativa e autoconfiança. Por isso o brincar é considerado um dos meios mais propícios à construção do conhecimento. Ele não contribui apenas no desenvolvimento cognitivo e psíquico, mas também no aspecto motor e sócio afetivo. Nesse sentido, as atividades lúdicas fazem parte da vida do ser humano, em especial, da vida da criança, desde o início da humanidade, por isso que a temática envolvendo o brincar tem conquistado espaço nos mais diversos setores da sociedade.

 LEIA TAMBÉM: Brincar ajuda no desenvolvimento das crianças

Comentar

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *