Curso para papais

Curso para papais

Certificado de curso do Avasus é uma recomendação para ampliação de licença paternidade

Ninguém nasce sabendo ser mãe ou pai. Podemos atribuir muitas coisas ao instinto maternal, mas os vários cursos para gestantes mostram que é sempre bom ter informações importantes sobre os cuidados com o bebê. Da mesma forma, os homens podem aprender um pouco mais sobre o universo da paternidade. Um exemplo disso é o curso “Pai Presente: Cuidado e Compromisso”, oferecido pelo Avasus (Ambiente Virtual de Aprendizagem do Sistema Único de Saúde), desenvolvido Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS) da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

O curso ajuda pais e futuros pais a se envolverem no planejamento familiar, no acompanhamento do pré-natal e no desenvolvimento da criança. O certificado do curso também tem sido aceito como comprovante para estender a licença paternidade para 20 dias em empresas que fazem parte do Programa Empresa Cidadã.

– O curso Pai Presente foi lançado no Avasus, em agosto de 2016, no Dia dos Pais. E tem duração de 12h. Hoje, há mais de 9.400 inscritos. O curso encontra-se com as inscrições abertas e mantem-se sempre atualizado, sendo aberto para população geral – diz Karilany Coutinho, professora da UFRN e supervisora da plataforma. – O Avasus funciona como uma ampla plataforma para gestão dos processos educacionais fomentados pelos SUS. A plataforma permite uma gestão centralizada das informações a partir de uma visão completa dos processos, através de sistemas que destacam-se através de indicadores para acompanhamento das ações e das metas, pertinente a cada projeto de formação.

Karilany ressalta que, de acordo com o Ministério da Saúde, o curso Pai Presente: Cuidados e Compromissos não é um requisito para ampliação da licença paternidade, mas uma recomendação da Coordenação Nacional de Saúde do Homem (CNSH) para essa ampliação.

O jornalista Marcelo Gomes conseguiu acompanhar de perto os primeiros 20 dias de vida de João Marcelo, nascido em junho deste ano, depois de apresentar o certificado do curso na empresa.

– A informação que tive no RH da empresa era de que eu tinha que apresentar certificado de um curso de paternidade responsável. Nunca tinha ouvido falar disso e comecei a procurar. Soube do curso por um amigo. Achei bem informativo. Tem vídeos de pais contando experiências e tópicos que explicam nossos direitos. Acho importante, principalmente, para pessoas sem muitos conhecimentos ou que vivem em locais onde o machismo é muito grande, pois ajuda a refletir sobre a importância de o pai ajudar nos cuidados com o bebê – avalia Marcelo, feliz por ter tido a oportunidade de cuidar do filho por mais tempo. – Troco fralda, boto para dormir, somos eu e minha mulher cuidando dele.

Na plataforma Avasus, há outros cursos voltados para pais.

LEIA TAMBÉM: Ampliação da licença paternidade

Comentar

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *